Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP

Detalhes bibliográficos
Ano de defesa: 2020
Autor(a) principal: Cominali, Evelyn Laguna Bianchi
Orientador(a): Não Informado pela instituição
Banca de defesa: Não Informado pela instituição
Tipo de documento: Dissertação
Tipo de acesso: Acesso aberto
Idioma: por
Instituição de defesa: Universidade Estadual Paulista (Unesp)
Programa de Pós-Graduação: Não Informado pela instituição
Departamento: Não Informado pela instituição
País: Não Informado pela instituição
Palavras-chave em Português:
Link de acesso: http://hdl.handle.net/11449/192959
Resumo: O complexo teníase-cisticercose é causado pelos cestódeos Taenia saginata e Taenia solium, que têm o homem como hospedeiro definitivo e obrigatório e os bovinos e os suínos, respectivamente, como hospedeiros intermediários. A presença da forma adulta destes cestódeos no intestino delgado causa pequenos danos ao homem, enquanto a presença das formas larvárias nos tecidos e órgãos causam lesões nos hospedeiros intermediários, resultando na cisticercose. O homem pode também ser hospedeiro ocasional da T. solium e desenvolver a cisticercose, quando da ingestão acidental de seus ovos. Uma das medidas de controle desta zoonose é a inspeção sanitária de bovinos e suínos ao abate, evitando assim que os parasitas completem seu ciclo biológico. Assim, o complexo teníase-cisticercose, além de ser um grave problema de saúde pública, é também um problema econômico na agropecuária, visto que as carcaças podem ser condenadas quando da presença de formas larvares ou terem seu valor reduzido. A neurocisticercose é a forma mais grave desta zoonose no homem e seu diagnóstico é realizado por meios imunológicos e/ou por exames de imagens, que permitem a visualização dos das lesões no sistema nervoso central. Já a teníase é diagnosticada por meio da pesquisa de proglotes ou de ovos das tênias nas fezes, os quais são indistinguíveis morfologicamente. O objetivo do presente estudo foi avaliar a ocorrência de teníase humana por meio da análise dos resultados de exames coproparasitológicos rotineiramente realizados em laboratório privado de análises clínicas de um município paulista.
id UNSP_e4af498717bd7894619a1a341d8c60eb
oai_identifier_str oai:repositorio.unesp.br:11449/192959
network_acronym_str UNSP
network_name_str Repositório Institucional da UNESP
repository_id_str
spelling Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SPHuman teniasis diagnosed in a clinical analysis laboratory in Birigui, SPteníase-cisticercose.Taenia solium.Taenia saginata.coproparasitológico.Brasil.taeniasis-cysticercosis complex.Taenia solium.Taenia saginata.coproparasitological.Brazil.O complexo teníase-cisticercose é causado pelos cestódeos Taenia saginata e Taenia solium, que têm o homem como hospedeiro definitivo e obrigatório e os bovinos e os suínos, respectivamente, como hospedeiros intermediários. A presença da forma adulta destes cestódeos no intestino delgado causa pequenos danos ao homem, enquanto a presença das formas larvárias nos tecidos e órgãos causam lesões nos hospedeiros intermediários, resultando na cisticercose. O homem pode também ser hospedeiro ocasional da T. solium e desenvolver a cisticercose, quando da ingestão acidental de seus ovos. Uma das medidas de controle desta zoonose é a inspeção sanitária de bovinos e suínos ao abate, evitando assim que os parasitas completem seu ciclo biológico. Assim, o complexo teníase-cisticercose, além de ser um grave problema de saúde pública, é também um problema econômico na agropecuária, visto que as carcaças podem ser condenadas quando da presença de formas larvares ou terem seu valor reduzido. A neurocisticercose é a forma mais grave desta zoonose no homem e seu diagnóstico é realizado por meios imunológicos e/ou por exames de imagens, que permitem a visualização dos das lesões no sistema nervoso central. Já a teníase é diagnosticada por meio da pesquisa de proglotes ou de ovos das tênias nas fezes, os quais são indistinguíveis morfologicamente. O objetivo do presente estudo foi avaliar a ocorrência de teníase humana por meio da análise dos resultados de exames coproparasitológicos rotineiramente realizados em laboratório privado de análises clínicas de um município paulista.The taeniasis-cysticercosis complex is caused by the cestodes Taenia saginata and Taenia solium, which have man as their definitive and mandatory host and cattle and swine, respectively, as intermediate hosts. The presence of the adult form of these cestodes in the small intestine causes minor damage to humans, while the presence of the larval forms in tissues/organs causes damage to the intermediate hosts, resulting in cysticercosis. Man can also be an occasional host of T. solium and develop cysticercosis when ingesting its eggs. One of the measures to control this zoonosis is sanitary inspection of cattle and pigs at slaughter in order to prevent the parasites from completing their biological cycle. Thus, in addition of being a serious public health problem the taeniasiscysticercosis complex is also an economic problem once the carcasses with the larval forms can be condemned or have a reduced value. Neurocysticercosis is the most severe form of this zoonosis in man and its diagnosis is done by immunological method and/or by imaging exams, which allow the visualization of the lesions in the central nervous system. Taeniasis is diagnosed by searching for proglottids and/or tapeworm eggs in feces, which are morphologically indistinguishable. The objective of the present study was to evaluate the occurrence of human taeniasis by analyzing the results of the coproparasitological exams routinely performed in a private clinical analysis laboratory at a city in São Paulo state, Brazil.Universidade Estadual Paulista (Unesp)Nunes, Cáris MaroniUniversidade Estadual Paulista (Unesp)Cominali, Evelyn Laguna Bianchi2020-07-14T14:35:55Z2020-07-14T14:35:55Z2020-06-22info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisapplication/pdfhttp://hdl.handle.net/11449/19295900093195733004021075P8porinfo:eu-repo/semantics/openAccessreponame:Repositório Institucional da UNESPinstname:Universidade Estadual Paulista (UNESP)instacron:UNESP2023-11-29T06:18:43Zoai:repositorio.unesp.br:11449/192959Repositório InstitucionalPUBhttp://repositorio.unesp.br/oai/requestopendoar:29462023-11-29T06:18:43Repositório Institucional da UNESP - Universidade Estadual Paulista (UNESP)false
dc.title.none.fl_str_mv Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
Human teniasis diagnosed in a clinical analysis laboratory in Birigui, SP
title Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
spellingShingle Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
Cominali, Evelyn Laguna Bianchi
teníase-cisticercose.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitológico.
Brasil.
taeniasis-cysticercosis complex.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitological.
Brazil.
title_short Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
title_full Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
title_fullStr Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
title_full_unstemmed Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
title_sort Teníase humana diagnosticada em laboratório de análises clínicas em Birigui, SP
author Cominali, Evelyn Laguna Bianchi
author_facet Cominali, Evelyn Laguna Bianchi
author_role author
dc.contributor.none.fl_str_mv Nunes, Cáris Maroni
Universidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.contributor.author.fl_str_mv Cominali, Evelyn Laguna Bianchi
dc.subject.por.fl_str_mv teníase-cisticercose.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitológico.
Brasil.
taeniasis-cysticercosis complex.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitological.
Brazil.
topic teníase-cisticercose.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitológico.
Brasil.
taeniasis-cysticercosis complex.
Taenia solium.
Taenia saginata.
coproparasitological.
Brazil.
description O complexo teníase-cisticercose é causado pelos cestódeos Taenia saginata e Taenia solium, que têm o homem como hospedeiro definitivo e obrigatório e os bovinos e os suínos, respectivamente, como hospedeiros intermediários. A presença da forma adulta destes cestódeos no intestino delgado causa pequenos danos ao homem, enquanto a presença das formas larvárias nos tecidos e órgãos causam lesões nos hospedeiros intermediários, resultando na cisticercose. O homem pode também ser hospedeiro ocasional da T. solium e desenvolver a cisticercose, quando da ingestão acidental de seus ovos. Uma das medidas de controle desta zoonose é a inspeção sanitária de bovinos e suínos ao abate, evitando assim que os parasitas completem seu ciclo biológico. Assim, o complexo teníase-cisticercose, além de ser um grave problema de saúde pública, é também um problema econômico na agropecuária, visto que as carcaças podem ser condenadas quando da presença de formas larvares ou terem seu valor reduzido. A neurocisticercose é a forma mais grave desta zoonose no homem e seu diagnóstico é realizado por meios imunológicos e/ou por exames de imagens, que permitem a visualização dos das lesões no sistema nervoso central. Já a teníase é diagnosticada por meio da pesquisa de proglotes ou de ovos das tênias nas fezes, os quais são indistinguíveis morfologicamente. O objetivo do presente estudo foi avaliar a ocorrência de teníase humana por meio da análise dos resultados de exames coproparasitológicos rotineiramente realizados em laboratório privado de análises clínicas de um município paulista.
publishDate 2020
dc.date.none.fl_str_mv 2020-07-14T14:35:55Z
2020-07-14T14:35:55Z
2020-06-22
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv http://hdl.handle.net/11449/192959
000931957
33004021075P8
url http://hdl.handle.net/11449/192959
identifier_str_mv 000931957
33004021075P8
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Estadual Paulista (Unesp)
publisher.none.fl_str_mv Universidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório Institucional da UNESP
instname:Universidade Estadual Paulista (UNESP)
instacron:UNESP
instname_str Universidade Estadual Paulista (UNESP)
instacron_str UNESP
institution UNESP
reponame_str Repositório Institucional da UNESP
collection Repositório Institucional da UNESP
repository.name.fl_str_mv Repositório Institucional da UNESP - Universidade Estadual Paulista (UNESP)
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1800401216653492224