Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos

Detalhes bibliográficos
Ano de defesa: 2019
Autor(a) principal: Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de
Orientador(a): Não Informado pela instituição
Banca de defesa: Não Informado pela instituição
Tipo de documento: Dissertação
Tipo de acesso: Acesso aberto
Idioma: por
Instituição de defesa: Universidade Estadual Paulista (Unesp)
Programa de Pós-Graduação: Não Informado pela instituição
Departamento: Não Informado pela instituição
País: Não Informado pela instituição
Palavras-chave em Português:
Link de acesso: http://hdl.handle.net/11449/191516
Resumo: A cultura da batata-doce apresenta produtividade média nacional abaixo do potencial produtivo da cultura, devido principalmente ao cultivo de variedades locais e não melhoradas, que propiciam baixos rendimentos. Para alterar essa condição, além de tratos culturais adequados, é imprescindível a adoção de cultivares mais produtivos. Desta forma, objetivou com este trabalho caracterizar morfologicamente e agronomicamente genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos. A condução do estudo foi realizada em campo da Fazenda Experimental da Unesp/Ilha Solteira entre janeiro a maio de 2019. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com 200 tratamentos (genótipos) e uma testemunha, com duas repetições. Foram avaliadas características morfológicas de parte aérea e raiz dos genótipos, bem como, características agronômicas. De posse dos dados morfológicos e agronômicos procedeu-se com análise individual por variável resposta, estruturando o teste de progênies clonais, ou seja, consideraramse as famílias de meios irmãos e clones como progênies, a partir dessa analises procedeu-se as demais. As características quantitativas foram submetidas à analise de variância pelo teste F e, as médias agrupadas pelo teste de Skott-Knott a 5% de probabilidade. Realizou-se análise multivariada com os dados morfológicos. A estimativa da matriz de distância genética foi realizada por meio de variáveis multicategoricas, sendo posteriormente agrupados pelos métodos de Toucher e Ward. Para os agrupamentos foi realizada a seleção dos genótipos com produtividades comerciais acima da testemunha. Para as análises quantitativas foi utilizado o programa Sisvar, e para análises multivariadas os programas SAS e Genes. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1 e CERAT21 -2 são promissores para produção de raízes para o consumo domiciliar. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1, CERAT25-17, CERAT25-12, CERAT21 -2, CERAT29-26, CERAT34-4, CERAT31 -11 e CERAT24-8 são promissores para a indústria. O método de agrupamento de Toucher foi mais efetivo em comparação ao de Ward para discriminar os genótipo. Há uma ampla diversidade genética entre os genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos.
id UNSP_74afb9ce471cd01f2e0ea41480cdc117
oai_identifier_str oai:repositorio.unesp.br:11449/191516
network_acronym_str UNSP
network_name_str Repositório Institucional da UNESP
repository_id_str
spelling Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentosMorphological and agronomic characterization of sweet potato genotypes obtained through policructuresIpomoea batatasVariabilidade genéticaMorfo-agronômicaGenetic variabilityMorpho-agronomicA cultura da batata-doce apresenta produtividade média nacional abaixo do potencial produtivo da cultura, devido principalmente ao cultivo de variedades locais e não melhoradas, que propiciam baixos rendimentos. Para alterar essa condição, além de tratos culturais adequados, é imprescindível a adoção de cultivares mais produtivos. Desta forma, objetivou com este trabalho caracterizar morfologicamente e agronomicamente genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos. A condução do estudo foi realizada em campo da Fazenda Experimental da Unesp/Ilha Solteira entre janeiro a maio de 2019. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com 200 tratamentos (genótipos) e uma testemunha, com duas repetições. Foram avaliadas características morfológicas de parte aérea e raiz dos genótipos, bem como, características agronômicas. De posse dos dados morfológicos e agronômicos procedeu-se com análise individual por variável resposta, estruturando o teste de progênies clonais, ou seja, consideraramse as famílias de meios irmãos e clones como progênies, a partir dessa analises procedeu-se as demais. As características quantitativas foram submetidas à analise de variância pelo teste F e, as médias agrupadas pelo teste de Skott-Knott a 5% de probabilidade. Realizou-se análise multivariada com os dados morfológicos. A estimativa da matriz de distância genética foi realizada por meio de variáveis multicategoricas, sendo posteriormente agrupados pelos métodos de Toucher e Ward. Para os agrupamentos foi realizada a seleção dos genótipos com produtividades comerciais acima da testemunha. Para as análises quantitativas foi utilizado o programa Sisvar, e para análises multivariadas os programas SAS e Genes. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1 e CERAT21 -2 são promissores para produção de raízes para o consumo domiciliar. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1, CERAT25-17, CERAT25-12, CERAT21 -2, CERAT29-26, CERAT34-4, CERAT31 -11 e CERAT24-8 são promissores para a indústria. O método de agrupamento de Toucher foi mais efetivo em comparação ao de Ward para discriminar os genótipo. Há uma ampla diversidade genética entre os genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos.The sweet potato crop has a national average yield below the productive potential of the crop, mainly due to the cultivation of local and unimproved varieties, which provide low yields. To change this condition, in addition to adequate cultural treatments, it is essential to adopt more productive cultivars. Thus, the objective of this work was to characterize morphologically and agronomically sweet potato genotypes obtained through cross-breeding. The study was conducted in a field of the Experimental Farm of Unesp / Ilha Solteira from January to May 2019. The experimental design used was a randomized block with 200 treatments (genotypes) and a control with two replications. Morphological characteristics of shoot and root of the genotypes, as well as agronomic characteristics were evaluated. With morphological and agronomic data, was proceeded with individual analysis by response variable, structuring the test of clonal progenies, ie, was considered the families of half brothers and clones as progenies, from this analysis proceeded the others. The quantitative characteristics were subjected to analysis of variance by the F test and the means grouped to by the 5% Skott-Knott test. Multivariate analysis was performed with morphological data. The estimation of the genetic distance matrix was performed using multicategories variables, which were later grouped by Toucher and Ward methods. For the clusters the genotypes with commercial yields above the control were selected. For the quantitative analyzes the Sisvar program was used, and for multivariate analyzes the SAS and Genes programs. The CERAT16-20, CERAT31 -1 and CERAT21 -2 accesses are promising for root production for home consumption. The CERAT16-20, CERAT31 -1, CERAT25-17, CERAT25-12, CERAT21 -2, CERAT29-26, CERAT34-4, CERAT31 -11 and CERAT24-8 accesses are promising for the industry. Toucher's clustering method was more effective compared to Ward's for discriminating genotypes. There is a wide genetic diversity among sweetpotato genotypes obtained through cross-breeding.Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)CAPES: 001Universidade Estadual Paulista (Unesp)Vargas, Pablo Forlan [UNESP]Pavan, Bruno Éttore [UNESP]Universidade Estadual Paulista (Unesp)Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de2020-02-04T12:13:31Z2020-02-04T12:13:31Z2019-12-11info:eu-repo/semantics/publishedVersioninfo:eu-repo/semantics/masterThesisapplication/pdfhttp://hdl.handle.net/11449/19151600092874733004099079P125090819732284790000-0002-5718-6403porinfo:eu-repo/semantics/openAccessreponame:Repositório Institucional da UNESPinstname:Universidade Estadual Paulista (UNESP)instacron:UNESP2023-10-21T06:09:39Zoai:repositorio.unesp.br:11449/191516Repositório InstitucionalPUBhttp://repositorio.unesp.br/oai/requestopendoar:29462023-10-21T06:09:39Repositório Institucional da UNESP - Universidade Estadual Paulista (UNESP)false
dc.title.none.fl_str_mv Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
Morphological and agronomic characterization of sweet potato genotypes obtained through policructures
title Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
spellingShingle Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de
Ipomoea batatas
Variabilidade genética
Morfo-agronômica
Genetic variability
Morpho-agronomic
title_short Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
title_full Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
title_fullStr Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
title_full_unstemmed Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
title_sort Caracterização morfológica e agronômica de genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos
author Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de
author_facet Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de
author_role author
dc.contributor.none.fl_str_mv Vargas, Pablo Forlan [UNESP]
Pavan, Bruno Éttore [UNESP]
Universidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.contributor.author.fl_str_mv Oliveira, Darllan Junior Luiz Santos Ferreira de
dc.subject.por.fl_str_mv Ipomoea batatas
Variabilidade genética
Morfo-agronômica
Genetic variability
Morpho-agronomic
topic Ipomoea batatas
Variabilidade genética
Morfo-agronômica
Genetic variability
Morpho-agronomic
description A cultura da batata-doce apresenta produtividade média nacional abaixo do potencial produtivo da cultura, devido principalmente ao cultivo de variedades locais e não melhoradas, que propiciam baixos rendimentos. Para alterar essa condição, além de tratos culturais adequados, é imprescindível a adoção de cultivares mais produtivos. Desta forma, objetivou com este trabalho caracterizar morfologicamente e agronomicamente genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos. A condução do estudo foi realizada em campo da Fazenda Experimental da Unesp/Ilha Solteira entre janeiro a maio de 2019. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados com 200 tratamentos (genótipos) e uma testemunha, com duas repetições. Foram avaliadas características morfológicas de parte aérea e raiz dos genótipos, bem como, características agronômicas. De posse dos dados morfológicos e agronômicos procedeu-se com análise individual por variável resposta, estruturando o teste de progênies clonais, ou seja, consideraramse as famílias de meios irmãos e clones como progênies, a partir dessa analises procedeu-se as demais. As características quantitativas foram submetidas à analise de variância pelo teste F e, as médias agrupadas pelo teste de Skott-Knott a 5% de probabilidade. Realizou-se análise multivariada com os dados morfológicos. A estimativa da matriz de distância genética foi realizada por meio de variáveis multicategoricas, sendo posteriormente agrupados pelos métodos de Toucher e Ward. Para os agrupamentos foi realizada a seleção dos genótipos com produtividades comerciais acima da testemunha. Para as análises quantitativas foi utilizado o programa Sisvar, e para análises multivariadas os programas SAS e Genes. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1 e CERAT21 -2 são promissores para produção de raízes para o consumo domiciliar. Os acessos CERAT16-20, CERAT31 -1, CERAT25-17, CERAT25-12, CERAT21 -2, CERAT29-26, CERAT34-4, CERAT31 -11 e CERAT24-8 são promissores para a indústria. O método de agrupamento de Toucher foi mais efetivo em comparação ao de Ward para discriminar os genótipo. Há uma ampla diversidade genética entre os genótipos de batata-doce obtidos por meio de policruzamentos.
publishDate 2019
dc.date.none.fl_str_mv 2019-12-11
2020-02-04T12:13:31Z
2020-02-04T12:13:31Z
dc.type.status.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/publishedVersion
dc.type.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/masterThesis
format masterThesis
status_str publishedVersion
dc.identifier.uri.fl_str_mv http://hdl.handle.net/11449/191516
000928747
33004099079P1
2509081973228479
0000-0002-5718-6403
url http://hdl.handle.net/11449/191516
identifier_str_mv 000928747
33004099079P1
2509081973228479
0000-0002-5718-6403
dc.language.iso.fl_str_mv por
language por
dc.rights.driver.fl_str_mv info:eu-repo/semantics/openAccess
eu_rights_str_mv openAccess
dc.format.none.fl_str_mv application/pdf
dc.publisher.none.fl_str_mv Universidade Estadual Paulista (Unesp)
publisher.none.fl_str_mv Universidade Estadual Paulista (Unesp)
dc.source.none.fl_str_mv reponame:Repositório Institucional da UNESP
instname:Universidade Estadual Paulista (UNESP)
instacron:UNESP
instname_str Universidade Estadual Paulista (UNESP)
instacron_str UNESP
institution UNESP
reponame_str Repositório Institucional da UNESP
collection Repositório Institucional da UNESP
repository.name.fl_str_mv Repositório Institucional da UNESP - Universidade Estadual Paulista (UNESP)
repository.mail.fl_str_mv
_version_ 1800400956470329344